COMO FAZER CHIMARRÃO?

Dia destes, me botei numa loja pra comprar erva e a guria do caixa me disse: “Tenho que aprender a fazer chimarrão.

Admirei uma fala destas, vindo de uma prendinha que atende em uma loja de produtos gauchescos.

Perguntei:qual tua dificuldade? Ela respondeu:não sei cevar o mate; no meu bairro o povo das casas bebem tereré e usam narguile não fazemos chimarrão.

Mas que tal. Fazer o que. Confúcio dizia que se eu trocar com outra pessoa uma ideia diferente da dela, cada um ficará com duas ideias.

Para ser elegante perguntei: “tens cuia, aparador, bomba e cambona?” Ela não sabia o que é cambona, expliquei que era (chaleira) e continuei; “Faça assim: Antes da cuia ser usada pela primeira vez, deve ser enxaguada com água quente e untada com erva mate a cada duas horas, por três vezes. Isso impregna o perfume da erva em definitivo em tua cuia.”

Daí pra frente cada mate cevado será melhor que o anterior. Lembrando que há quem use por dois dias, a mistura de cinzas vegetais com erva mate e água quente para poder considerar curtida a cuia.

Vamos preparar então, nosso chimarrão. Cambona no guarda fogo até 70º (setenta graus), caso não tenhas um medidor de temperatura fique de olho no suor da chaleira. O inicio das bolhas nas laterais é o ponto certo para colocar a água na térmica.

Para o chimarrão tradicional, coloque erva em 2/3 da cuia; com o aparador, tape a cuia e vire a mesma até sentir que a erva esteja em apenas um lado; despeje água morna no espaço livre – para tirar o amargo inicial da primeira cuia – da segunda em diante, use a água da térmica. Insira a bomba na lateral em que está a água, tapando a boca com o polegar, depois destape; se a água retornar, (descer), está pronto.

É recomendável amarrar um filtro na peneira da bomba. Isso evita entupimento.

Saboreie com amigos e amores a bebida mais macanuda do mundo, tchê.

Normas para os mateadores:

  1. Não toque a bomba.

  2. Não reclame da temperatura da água.

  3. Não diga que é anti-higiênico.

  4. Não coloque açúcar no mate.

  5. Não tenha vergonha do ronco.

  6. Não fure a fila.

  7. Não reclame do dono da casa por tomar o 1° mate.

  8. Não deixe pela metade.

  9. Nunca diga que chimarrão causa câncer.

  10. Não durma com a cuia na mão.

Sobre o Autor:

Dr. Francisco Mello dos Santos. Rondonópolis-MT, Advogado Criminalista. OAB-MT 9550. Especialista em Direito Penal e Processual Penal; Historiador, Professor de carreira e amante do Tradicionalismo Gaúcho.

#Chimarrão #Ervamate #Mate

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui